Marque já a sua consulta (21) 3268-3492 (21) 99056-8583 Marque sua consulta

Cuidados pós-quarentena: saiba como fazer um check-up médico


Check Up
A flexibilização do distanciamento social é a oportunidade adequada para colocar a saúde em dia
Não é segredo que a pandemia da Covid-19 trouxe grandes mudanças. Para controlar a curva de infecções, todas as atividades consideradas não essenciais foram canceladas ou adiadas. Por esse motivo, o descuido com a saúde também cresceu nos últimos meses, mesmo entre os pacientes com doenças crônicas, que necessitam de acompanhamento constante. Dessa forma, para se manter saudável, o abrandamento do isolamento social é o momento adequado para fazer um check-up médico.

É seguro?

A dra. Monica Giesta, clínica geral da Medcenter, conta que é necessário atenção às ações preventivas para evitar contaminação. “Com medidas adequadas, como higienização constante do ambiente, aumento do intervalo entre as consultas e pacientes com horário agendado, permitindo que a recepção não fique cheia, e o uso de máscara por todos é possível se cuidar e evitar o contágio pelo novo coronavírus.”
“É importante ressaltar que é muito mais seguro estar em dia com os exames clínicos – sobretudo os portadores de doenças crônicas, como diabetes, câncer, asma e hipertensão – do que adiar a visita a um especialista, pois possíveis complicações simples podem se tornar graves”, acrescenta.

Quais os exames mais comuns?

O objetivo do check-up é permitir que o médico analise o funcionamento de diferentes órgãos, como o coração e os rins, por exemplo. Esses exames também são capazes de detectar precocemente possíveis infecções e complicações mais graves, como diversos tipos de câncer. Os mais pedidos são:
  • Hemograma;
  • Ureia e creatinina;
  • Ácido úrico;
  • Colesterol total e frações;
  • Triglicerídeos;
  • TGO/AST e TGP/ALT;
  • TSH e T4 livre;
  • Fosfatase alcalina;
  • Gama-glutamiltransferase (GGT);
  • PCR;
  • Exame de urina;
  • Exame de fezes.
Os exames podem ser solicitados por um clínico geral e, caso haja necessidade, o paciente pode ser encaminhado para um especialista, como o cardiologista ou o endocrinologista, se houver indicação.

Exames específicos

O check-up clínico também conta com exames destinados a públicos distintos. No caso das mulheres, por exemplo, para analisar o aparelho reprodutivo, a visita ao ginecologista deve ser feita pelo menos uma vez ao ano, quando são realizados:
  • Exame de Papanicolau;
  • Colposcopia;
  • Vulvoscopia;
  • Ultrassonografia das mamas;
  • Ultrassonografia transvaginal.
Já para os homens, é recomendado que a visita ao coloproctologista seja feita a partir dos 40 anos. Nessa ocasião, a ultrassonografia da próstata e a dosagem do hormônio PSA são os exames realizados.